Central Única dos Trabalhadores

Petroleiros se reúnem com Petrobras, mas avanço da negociação só será garantido com fortalecimento da greve

9 novembro, segunda-feira, 2015 às 8:15 pm

Comentários    Print Friendly and PDF

k2.videos.EDISE_09_11_FUP_PETROBRASnsp-103

A FUP e os seus sindicatos realizaram nesta segunda-feira (9), a primeira rodada de negociação com a Petrobrás sobre a Pauta pelo Brasil. Foi preciso que a categoria iniciasse uma greve histórica, para que a empresa reconhecesse as reivindicações dos trabalhadores, cuja luta  não é por salários, mas em defesa da soberania nacional e para que a Petrobrás volte a ser a indutora do desenvolvimento do país, garantindo empregos, condições seguras de trabalho e os avanços sociais que o povo brasileiro conquistou.

Na reunião com a empresa, os petroleiros reiteraram que o momento difícil que a companhia atravessa precisa ser enfrentado com iniciativas novas e não com receitas velhas, pois medidas de redução de investimentos e de ajuste fiscal nunca deram certo em lugar nenhum do mundo. “Quem sempre acaba pagando a conta é o trabalhador e isso nós não vamos permitir”, afirmou o coordenador da FUP, José Maria Rangel.

A Petrobrás ignorou por quatro meses a Pauta pelo Brasil, empurrando os petroleiros para uma greve, cuja responsabilidade é inteiramente da empresa. O momento atual, portanto, é decisivo na luta da categoria, pois é a correlação de força dos trabalhadores que determinará os próximos passos da negociação.

A greve continua e deve ser ainda mais fortalecida em todas as bases.

EDISE_09_11_PAUTA_PELO_BRASIL

 

Fonte: FUP