Central Única dos Trabalhadores

PEC do senador Paim estabelece redução gradual da jornada de trabalho

4 fevereiro, quinta-feira, 2016 às 3:27 pm

Comentários    Print Friendly and PDF

Plenário do Senado

Plenário do Senado

A jornada de trabalho, que hoje é de 44 horas semanais, poderá diminuir gradualmente até 36 horas por semana. Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do senador gaúcho Paulo Paim (PT) prevê a redução gradativa das horas trabalhadas, sendo que uma jornada de mais de 40 horas por semana será proibida.

De acordo com ele, vários países da Europa já diminuíram a jornada de trabalho, e a redução irá criar mais empregos. “A redução da jornada de trabalho é uma antiga bandeira de luta de todos os brasileiros, e poderá criar três milhões de novos empregos”, afirmou o senador.

PEC estabelece redução gradual da jornada de trabalho

A redução da jornada de trabalho semanal é defendida pelo senador, autor de proposta que estabelece a duração de trabalho normal não superior a 8 horas diárias e a 36 horas semanais.

A proposição (PEC 148/2015) também faculta a compensação de horários e a redução da jornada a acordo ou convenção coletiva de trabalho. Se aprovada, a emenda constitucional deve entrar em vigor a partir de 1º de janeiro do exercício seguinte.

Pelo texto, a jornada de trabalho normal não poderá ser superior a 40 horas semanais, diminuindo gradativamente e anualmente em uma hora por ano até o limite mínimo de 36 horas.  Até a implantação da emenda, a jornada de trabalho normal não poderá ser superior a 44 horas semanais.

Paim ressalta que a proposta reflete o anseio popular e a evolução nas relações trabalhistas.  Ele menciona ainda outros países, principalmente da Europa, que dispõem de uma carga horária de trabalho anual em torno de 1.400 horas, enquanto no Brasil chega a 2.100 horas.

Para o senador, a redução da jornada influenciará na criação de novas vagas de trabalho.

— A redução da jornada de trabalho é uma antiga bandeira de luta de todos os brasileiros, e poderá criar três milhões de novos empregos — disse Paim, citando dados do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

A PEC está na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), onde aguarda escolha de relator.

Redução da jornada

 

Fonte: Agência Senado