Central Única de Trabalhadores

Morre o jornalista Paulo Henrique Amorim aos 77 anos

10 julho, quarta-feira, 2019 às 12:41 pm

Comentários    Print Friendly and PDF

Paulo Henrique

Paulo Henrique

O jornalista Paulo Henrique Amorim morreu na manhã desta quarta (10), aos 77 anos, em sua casa no Rio de Janeiro, vítima de um infarto fulminante.  A informação foi confirmada pela TV Record, onde exerceu sua última ocupação.

O jornalista teve passagem por diversas emissoras de televisão, como Globo, Bandeirantes, Cultura e Record. Nesta última, foi apresentador do programa “Domingo Espetacular”, onde ficou de janeiro de 2006 até junho passado. Crítico do atual governo Jair Bolsonaro, ele havia sido afastado do programa, após a Record ser pressionada por apoiadores do ministro da Justiça, Sergio Moro, e do presidente Bolsonaro pela demissão do jornalista.

Também era conhecido pelo bordão com que sempre iniciava suas falas: “Olá, tudo bem?”. Em 2015, lançou o livro O Quarto Poder –  uma outra história, sobre a mídia.

Em 2007, entrevista com Paulo Henrique Amorim foi tema principal da edição número 10 da Revista do Brasil, quando falou sobre o monopólio e a partidarização da mídia tradicional brasileira. Confira a íntegra.

Paulo Henrique Amorim mantinha o blog Conversa Afiada, que se notabilizou pela defesa de uma mídia democrática e com críticas frequentes à Lava Jato e a Bolsonaro. O jornalista popularizou o termo “PIG”, o Partido da Imprensa Golpista, usado para criticar os meios de comunicação que apoiaram o golpe contra os governos de Lula e Dilma.

Assista ao último vídeo de Paulo Henrique Amorim!

 

 

Fonte: CUT-RS com Rede Brasil Atual e Conversa Afiada