Central Única de Trabalhadores

Metalúrgicos de Cachoeira do Sul aprovam reajuste de 9,31% e fecham acordo

29 setembro, terça-feira, 2015 às 5:19 pm

Comentários    Print Friendly and PDF

201509291210100

Após três horas de assembleia, os metalúrgicos de Cachoeira do Sul aprovaram a Convenção Coletiva da categoria 2015/2016 na última quinta-feira, 24. A assembleia foi uma das maiores em toda a história do Sindicato, demonstrando a força e união dos metalúrgicos cachoeirenses.

Inicialmente, foi apresentada a última contra proposta do sindicato patronal e, após duas horas de debate, esta foi colocada em votação, sendo reprovada por unanimidade. Nesse momento, o presidente do Sindicato, Alex Oliveira, ligou para o negociador do sindicato patronal para comunicar a decisão da assembleia, e que os trabalhadores estariam no dia seguinte, às 7h30, em frente à sua fábrica para a entrega formal do comunicado e posterior encaminhamento à Justiça.

Nesse momento, o negociador cogitou a possibilidade de avanços em algumas cláusulas para evitar que a campanha fosse judicializada, solicitando que fosse feita uma contra proposta que seria avaliada pelo patronal posteriormente. O presidente do Sindicato então salientou que a decisão estava tomada e as negociações encerradas, e que somente seria colocada em votação uma nova proposta se tivesse um retorno ainda na mesma noite.

A assembleia foi interrompida por cerca de dez minutos e, após esse período, em novo contato com o representante patronal, este comunicou que as cláusulas pleiteadas haviam sido aprovadas. Os trabalhadores comemoraram o desfecho das negociações e aprovaram a nova proposta por unanimidade, numa demonstração de força e coragem.

Veja como ficaram os números:

Data base da categoria: 1° de julho – INPC: 9,31%

*Reajuste para a categoria: 9,31% a partir de 1° de outubro. Os meses de julho, agosto e setembro terão reajuste de 6%

*Piso da categoria fica em R$ 1.095,60 a partir de 1° de outubro. Quem ganha o Piso, terá reajuste de 6% nos meses de julho, agosto e setembro

*Quinquênio de 4,5%

*Abono compensatório de R$ 170,00 (setenta reais na folha de outubro de 2015 e R$ 100,00 na folha de março de 2016)

*Correção dos abonos estudante e abono qualificação pelo INPC

*Renovação das demais cláusulas.

 

Fonte: Sindicato dos Metalúrgicos de Cachoeira do Sul