Central Única de Trabalhadores

Marchezan recua com mobilização dos municipários, mas greve está mantida a partir de segunda-feira

14 junho, quinta-feira, 2018 às 8:41 am

Comentários    Print Friendly and PDF

Assembleia Simpa1

Assembleia Simpa1

Os municipários de Porto Alegre, reunidos em assembleia na terça-feira, dia 12, na Casa do Gaúcho, aprovaram greve a partir da próxima segunda-feira, dia 18, para derrotar os Projetos de Lei enviados pelo prefeito Nelson Marchezan Jr (PSDB) que retiram direitos e destroem a carreira dos servidores públicos e pela reposição da inflação. Através de agendas de mobilização, a categoria vai pressionar os vereadores a votarem contra os PLs.

Entretanto, na manhã desta quarta-feira, dia 13, durante a reunião de líderes de bancadas da Câmara, Marchezan recuou na priorização dos projetos que afetam a carreira dos servidores e decidiu colocar para votar, a partir de segunda-feira, os projetos que versam sobre arrecadação do ISS, CADIN, Fundos Municipais, reconhecimento da dívida, PPPs e IPTU.

Participaram da reunião 16 líderes de bancadas que compõem a Câmara. São eles que decidem quais os projetos que serão priorizados na votação da sessão plenária.

GREVE MANTIDA

Mesmo com o recuo do governo, a greve dos municipários está mantida. conforme deliberação da assembleia. O Sindicato dos Municipários de Porto Alegree (Simpa) exige que Marchezan receba a direção da entidade e negocie a pauta de reivindicações da categoria.

Terres1

Confira a agenda de mobilização

Segunda-feira, dia 18

9h – Ato no Paço Municipal, com almoço e, depois, caminhada até a Câmara;

Terça-feira, dia 19

9h – Ato no HPS, com caminhada até o Paço Municipal;

14h – Assembleia Geral da Categoria Municipária, na Casa do Gaúcho.

 

 

Fonte: CUT-RS com Simpa