Central Única dos Trabalhadores

Mais de 35 cidades gaúchas já confirmaram atos pelo “Fora Bolsonaro” no próximo sábado

29 setembro, quarta-feira, 2021 às 9:01 pm

Comentários    Print Friendly and PDF

Fora Bozo 02Out (3)

Fora Bozo 02Out

Faça chuva, faça sol, mais de 35 cidades do Rio Grande do Sul já confirmaram a realização de atos pelo “Fora Bolsonaro” no próximo sábado, dia 2 de outubro. As manifestações estão sendo organizadas pela CUT-RS e as centrais sindicais, junto com as frentes Brasil Popular, Povo Sem Medo e Povo na Rua, os movimentos sociais e populares e os partidos de esquerda. Em todo o Brasil e no exterior, já são mais de 250 cidades com atos confirmados.

“Com o aumento dos preços dos alimentos e dos combustíveis, as revelações escandalosas da CPI da Covid e as mentiras espalhadas na Assembleia Geral da ONU, a situação do Bolsonaro se tornou insustentável e a saída é o impeachment já”, afirma o presidente da CUT-RS, Amarildo Cenci.

Em Porto Alegre será realizada uma grande caminhada, com concentração às 15 horas, no Largo Glênio Peres.

Card - 02Out

Confira a relação dos atos no interior gaúcho

RS – Alegrete – Praça Nova | 9h30

RS – Alvorada – Em frente ao Sima | 10h

RS – Bagé – Praça do Coreto | 14h

RS – Cacequi – Praça Getúlio Vargas | 15h

RS – Cachoeira do Sul - Praça do Lambert | 9h30

RS – Camaquã – Esquina Democrática | 9h30

RS – Caxias do Sul – Praça Dante Alighieri | 10h30

RS – Cruz Alta – Praça da Matriz | 9h30min

RS – Encruzilhada do Sul – Praça Central | 15h

RS – Erechim – Esquina Democrática | 14h

RS – Gravataí – Em frente à RGE | 9h30

RS – Guaíba – Em frente à Prefeitura | 10h

RS – Ijuí – Praça da República | 15h

RS – Imbé – Ponte Giuseppe Garibaldi | 14h

RS – Jaguarão – Praça do Regente | 14h

RS – Lajeado – Parque do Dick | 15h

RS – Montenegro – Praça dos Ferroviários | 10h

RS – Novo Hamburgo – Praça do Imigrante | 10h

RS – Osório – Em frente à Rodoviária Velha | 10h

RS – Palmeira das Missões – Largo Alfredo Westphalen | 9h

RS – Passo Fundo – Praça da Mãe | 15h

RS – Pelotas – Mercado Público | 10h30

RS – Porto Alegre – Largo Glênio Peres | 15h

RS – Rio Grande – Largo Dr. Pio | 10h

RS – Santa Cruz do Sul – Praça da Bandeira – 15h

RS – Santa Maria – Largo da Locomotiva | 14h

RS – Santana do Livramento – Esquina Democrática | 10h

RS – Santiago – Esquina Democrática | 14h

RS – Santo Ângelo – Praça do Brique | 11h

RS – São Borja – Praça XV de Novembro | 15h

RS – São Francisco de Assis – Praça Independência | 14h

RS – São Leopoldo – Praça do Imigrante | 10h

RS – São Luiz Gonzaga – Praça da Matriz | 10h

RS – Torres – Praça XV | 15h

RS – Tramandaí – Ponte Giuseppe Garibaldi | 14h

RS – Tupanciretã – Praça Central | 10h

RS – Uruguaiana – Antiga Estação Férrea | 14h30

RS – Venâncio Aires – Praça da Bandeira | 9h 

Confira o mapa dos atos marcados no Brasil e no mundo

Tomar as ruas e sacudir as redes sociais

“Com uso de máscaras, álcool em gel e mantendo distanciamento, vamos tomar outra vez as ruas e sacudir as redes sociais para exigir o fim deste governo, que não defende a vida, não tem políticas de emprego e renda, não combate a fome e a miséria, privatiza estatais, ataca os serviços públicos e os direitos dos trabalhadores e está destruindo o Brasil”, destaca Amarildo.

Para ele, “chegou a hora de darmos um passo adiante na direção de agregar outros segmentos sociais, como as pessoas e entidades que se manifestam publicamente pelo Fora Bolsonaro e em defesa da democracia”.

As centrais e as frentes produziram um panfleto para chamar a população a participar da manifestação em Porto Alegre. O texto apresenta dez motivos para ir às ruas. Milhares de exemplares estão sendo distribuídos no centro da cidade e em vários bairros da Capital.

Clique aqui para acessar o PDF do panfleto.

Dez motivos2

 

Fonte: CUT-RS