Central Única dos Trabalhadores

Feira Internacional de Cooperativismo e Economia Solidária começa nesta terça

1 dezembro, terça-feira, 2020 às 8:56 am

Comentários    Print Friendly and PDF

Feicoop

Feicoop

BdF – A Feira Internacional de Cooperativismo e Economia Solidária (Feicoop) inicia sua edição especial nesta terça-feira (1º), se estendendo até o dia 15. Depois do cancelamento da 27ª edição do evento por conta da pandemia de covid-19, prevista para o mês de julho, as organizações que se somam na realização do evento passaram a desenvolver a estratégia alternativa, prospectando uma edição especial, online e estendida.

De acordo com a coordenadora executiva da Feira, Irmã Lourdes Dill, as atividades estão sendo construídas por muitas mãos, de indivíduos e entidades, que trabalham para construir essa edição especial de forma autogestionada e participativa. Essas iniciativas “são experiências que transformam vidas, que incluem o campo e a cidade, especialmente os trabalhadores, e que formam e fortalecem um novo jeito de tratar a economia no mundo.”

A programação prevê, entre outras atividades, Jornada Formativa, Feira virtual de Economia Solidária, Mostra de Arte, Cultura e Diversidade, Atividades Autogestionárias e Seminários.

A maior parte da programação será virtual, utilizando os recursos de mediação das redes sociais de parceiros como a Cáritas, Rede Soberania, Brasil de Fato RS, bem como da própria Feicoop e demais apoiadores. De modo presencial, permanece a feira da agricultura familiar, que vem se mantendo em pé mesmo com as restrições impostas pela pandemia.

Resistência e esperança

Irmã Lourdes destacou ainda que para esta edição foi definido como lema a frase “Construindo a sociedade do Bem Viver: Por uma Ética Planetária”. O objetivo é revelar alternativas de empreendimentos sociais, geração de emprego e renda, diálogo entre os povos, fortalecimento de comunidades, geração de conhecimento e construção de alianças que fortaleçam a ação humana solidária.

A feira é realizada pelo Projeto Esperança/Cooesperança, tendo como apoiadores a Cáritas Rio Grande do  Sul, entidades, organizações, movimentos, pastorais e empreendimentos de economia solidária, a partir de uma metodologia “aprendente e ensinante”. Também fazem parte dessa construção a Universidade Federal de Santa Maria e o Instituto Federal Farroupilha.

Ocorre desde 1994 em Santa Maria, completando em 2020 a sua 27ª Edição e a 16ª Edição da Feira Latino Americana de EcoSol. A partir de 1998 a Feira tomou cunho Estadual, e em 2000 tornou a Feira Nacional e desde 2005, a Feira do Mercosul. A partir de 2007 a Feira tomou um cunho Latino Americano de grande articulação, também com os outros Continentes.

Serviço

Para saber a programação completa da Feicoop, clique aqui.

Para mais informações, clique aqui.

Para contribuir com a Vakinha virtual em apoio à Feicoop, clique aqui. 

 

 

Fonte: Marcos Antonio Corbari – Brasil de Fato