Central Única dos Trabalhadores

Empresa de call center fecha em São Leopoldo e demite 600 trabalhadores

9 dezembro, quarta-feira, 2015 às 2:40 pm

Comentários    Print Friendly and PDF

Atende Bem

Atende Bem

Cerca de 100 trabalhadores da empresa de call center Atende Bem, de São Leopoldo, realizaram um protesto na tarde de segunda-feira (7) nas proximidades da avenida João Corrêa. O ato ocorreu em frente à sede da Justiça do Trabalho, já que mais de 600 funcionários da empresa aguardam por uma decisão judicial para que sejam pagos os salários em atraso, os 13º salários, comissões e demais direitos dos trabalhadores.

Durante a manhã, o grupo já havia protestado em frente a sede da empresa, na avenida Theodomiro Porto da Fonseca, com interrupções nos dois sentidos da via. A empresa declarou falência e realizou uma demissão em massa na última sexta-feira (4).

A empresa atuava na cidade por 15 anos e anunciou, por meio de um comunicado fixado na portaria da empresa, o encerramento de suas funções. No texto, assinado por Grupo Atende Bem/South, os motivos alegados para a falência e consequente demissão em massa dos colaboradores são, entre outros, a “conjuntura econômica, o aperto no crédito que impede que a empresa possa rolar suas dívidas e, sobretudo a postura aviltante dos clientes”.

“Há outros motivos que vamos, judicialmente, discutir e que não cabe citar aqui, mas grande parte deles envolvem nossos clientes, também a forma de remuneração que não cobre os custos crescentes”, segue o texto.

Conforme o comunicado, a empresa, que não possui mais fluxo de caixa, conta com mais de R$ 7 milhões para receber dos clientes em pagamentos que deverão ser efetuados entre dezembro de janeiro de 2016.