Central Única dos Trabalhadores

Dilma diz que procurador busca silenciar adversários de Bolsonaro

5 abril, domingo, 2020 às 8:16 pm

Comentários    Print Friendly and PDF

Dilma sentada

Dilma sentada

RBA - A ex-presidente Dilma Rousseff afirmou neste domingo (5) que o pedido do vice-procurador-geral eleitoral Renato Brill de Goés pelo cancelamento do registro do PT mostra “um perigoso jogo antidemocrático ao buscar calar a voz dos adversários políticos do governo Bolsonaro”.

“Curioso que parta de um membro do MPE o pedido, atendendo a denúncia fantasiosa de um deputado do PSL do Ceará. É grave e sintomático dos tempos de Estado de Exceção que o Brasil vive. E, mais uma vez, ocorre  baseado em convicções e nunca em fatos ou provas”, afirmou Dilma em nota.

“A medida traz lembranças amargas de uma época em que as vozes adversárias na política eram caladas com violência, quando não silenciadas para sempre. Esses tempos não podem voltar”, destacou.

Segundo a ex-presidente, “o PT não vai sucumbir a essa tentativa canhestra de calar sua voz, que nesses 40 anos de existência sempre falou alto e forte em defesa do povo brasileiro, de seus direitos, na luta por um Brasil e um mundo mais justo e menos desigual”.

 

Fonte: Rede Brasil Atual (RBA)