Central Única de Trabalhadores

CUT-RS e MUS voltam a pressionar deputados para derrotar projeto das RPVs nesta terça

30 outubro, sexta-feira, 2015 às 2:42 pm

Comentários    Print Friendly and PDF

pl336_02-800x417

pl336_02-800x417

A união e a mobilização da CUT-RS e do Movimento Unificado dos Servidores (MUS) fizeram com que, por quatro vezes, não fosse à votação no plenário da Assembleia Legislativa do RS o PL 336/2015 do governo Sartori, que reduz os pagamentos de Requisições de Pequeno Valor (RPVs) de 40 para 7 salários mínimos. Passado o feriadão de Finados, na próxima terça-feira, dia 3 de novembro, a partir das 14h, o projeto estará novamente na pauta para apreciação dos deputados estaduais.

Os dirigentes sindicais e os servidores irão lotar novamente as galerias do plenário para derrotar o PL 336, que é um verdadeiro calote do governo do PMDB aos servidores e demais cidadãos do Estado. O Cpers Sindicato inicia a concentração às 8h, na barraca da entidade, em frente ao Palácio Piratini,para realizar as visitas aos gabinetes dos parlamentares.

Segundo o Cpers, muitos professores e funcionários de escola, já aposentados, que contam com esse recurso para cuidar de sua saúde, serão os mais afetados se o projeto for aprovado. O governo, ao invés de cobrar dos grandes devedores de impostos, quer retirar de quem menos tem e mais precisa. “Não vamos admitir!”, alerta a direção do Cpers.

RPVs4

 

Fonte: CUT-RS com Cpers Sindicato